Coronavirus no Brasil : notícias e atualização de casos (09.04.20)

Coronavirus no Brasil : notícias e atualização de casos (09.04.20)
Coronavirus no Brasil : notícias e atualização de casos (09.04.20)

Coronavirus no Brasil : notícias e atualização de casos (09.04.20)

Brasil registra mais 141 mortes por Covid-19; total chega a 941. País acumula 17.857 casos de infecção – 1.930 a mais nas últimas 24 horas, crescimento menor do que o registrado na quarta. Bolsonaro erra previsão, e mortes por coronavírus em 43 dias superam as de H1N1 em um ano.

Governo do Paraná libera abertura de revenda de veículos seminovos e usados

Depois de três semanas de isolamento social para combater a propagação do coronavírus, o Chefe da Casa Civil do Governo do Paraná, Guto Silva, libera através do ofício CEE/CC 898/20 assinado na quinta-feira (9), a abertura das atividades das revendas de automóveis seminovos e usados no Estado. As revendas voltam a funcionar, por ser um dos serviços considerados essenciais, mas com a implantação de cuidados necessários e correta utilização dos equipamentos de proteção por conta da pandemia.

Quem tem mais de 60 anos deve ficar em casa, mesmo sem sintomas. Os demais, evitem circulação nas ruas. Proteja você e sua família do CoronaVirus

Ministério da Saúde mantém proibição de doação de sangue por gays, apesar de estoques baixos por coronavírus

ANS exige que planos atendam inadimplentes para liberar fundo

Covid-19: Estudo alerta que distância social de 1,5 metros é insuficiente para travar contágio

“Nossos agradecimentos ao primeiro-ministro da Índia que após nossa conversa por telefone liberou o envio ao Brasil de um carregamento de insumos para produção de hidroxicloroquina’, escreveu Bolsonaro na rede social

Em pronunciamento transmitido em cadeia nacional na noite desta quarta-feira (08/04), o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o uso amplo da cloroquina da hidroxicloroquina no tratamento da covid-19, mesmo sen estudos conclusivos sobre a eficácia dos remédios no tratamento da doença.

Esse foi o quinto pronunciamento de Bolsonaro em meio à pandemia do coronavírus

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal federal, decidiu que o Governo Federal não pode interferir em restrições, como isolamento social, tomadas por governadores e prefeitos.

Governo do Amazonas anunciou na quarta-feira a troca do titular da Secretária de Saúde estadual (Susam). É o primeiro estado do país a promover uma mudança no comando da saúde desde o início da pandemia de coronavírus. O anúncio ocorre um dia depois de o governo local admitir que o sistema de saúde do estado está perto do colapso. Na terça-feira, 95% dos leitos de UTI e respiradores da rede pública do Amazonas estavam ocupados. Coronavírus. A nova titular da Susam é a biomédica Simone Papaiz

Estabelecimentos comerciais de setores não considerados serviços essenciais podem ter o fornecimento de energia cortado pela Light caso haja inadimplência durante a pandemia de coronavírus. Tal ação não era permitida devido a Lei Estadual 8.769/2020, no entanto, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) suspendeu na noite desta terça-feira a liminar da Ação Civil Pública da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) que proibia a interrupção do serviço. Comércios de setores essenciais e clientes residenciais não podem ter o fornecimento interrompido mesmo por falta de pagamento.

Presidente Jair Bolsonaro editou nesta quarta-feira uma medida provisória (MP) determinando que empresas não precisam reembolsar consumidores pelo cancelamentode eventos — como shows , sessões de cinema e peças de teatro — e reservas de hotéis devido à pandemia do coronavírus . As empresas de cultura e turismo poderão remarcar, disponibilizar créditos ou fazer outro tipo de acordo com os clientes.

MP 948 determina que “na hipótese de impossibilidade de ajuste”, a empresa deverá restituir o valor, com atualização pela inflação, no prazo de 12 meses. O texto entra em vigor imediatamente, mas ainda precisa ser aprovado pelo Congresso.

Os profissionais que já tenham recebido o pagamento não terão a obrigação de fazer um reembolso imediato, desde que o evento seja remarcado no prazo de 12 meses. Caso o serviço não seja prestado no prazo previsto, o valor recebido será restituído, com atualização pela inflação.

São contemplados pela Medida Provisória: meios de hospedagem, acampamentos, agências de turismo, transportadoras turísticas, organizadoras de eventos, centros de convenções, parques temáticos e de diversâo, prestadores de serviços turísticos, restaurantes, cafeterias, bares, locadoras de veículos para turistas.